Preaload Image

A transferência de alunos de outra Instituição de Ensino Superior para a UNILINS é regulamentada pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional nº. 9.394 de 20/12/1996.

As grades curriculares dos cursos oferecidos pela UNILINS são estruturadas por semestre, com a matrícula realizada por disciplina, obedecidas as normas regimentais do Centro Universitário e as especificidades relacionadas aos limites de créditos mínimos e máximos de cada semestre e os pré-requisitos e/ou co-requisitos.

As vagas, quando disponibilizadas para transferência de alunos de outras Instituições, são remanescentes após o encerramento do processo de matrículas dos alunos vinculados ao Curso. É consultada diretamente e por escrito a Instituição de origem, que deverá responder igualmente por escrito quanto à regularidade das condições do interessado para a transferência.

Antes de efetuar a matrícula, é importante obter junto à Coordenadoria do Curso esclarecimentos sobre condições gerais de adaptação ao curso, aproveitamento de estudos realizados na instituição de origem e principalmente em relação ao oferecimento de disciplinas e os eventuais pré e/ou co-requisitos.

Regularidade de matrícula devidamente confirmada pela Instituição de origem até a data estipulada para análise da solicitação pela Coordenadoria de Curso na UNILINS.

Documentos expedidos pela Instituição de origem:

  1. Atestado de Matrícula;
  2. Histórico Escolar da Instituição de origem, contendo a pontuação e classificação do vestibular, a carga horária e notas de cada disciplina e demais informações acadêmicas; as informações quanto a eventuais aproveitamentos de estudos e/ou interrupções no curso no original;
  3. Programas de ensino das disciplinas cursadas com aprovação, cópias com os carimbos de autenticidade da Instituição de origem;
  4. Declaração de reconhecimento ou autorização do curso.

Importante: Todos os documentos devem ser originais, com datas recentes, com carimbo e assinatura da Instituição de Origem.

Recebidas as solicitações para a transferência externa são feitos os seguintes encaminhamentos:

  1. Análise da Secretaria Geral quanto à documentação apresentada;
  2. São encaminhados à Coordenadoria de Curso os processos com a documentação completa, que então procede os análise e emite se parecer.

Deferida a solicitação de transferência, a matrícula é realizada da seguinte forma:

  1. Comparecimento obrigatório do interessado na data definida para a matrícula.
  2. Apresentação dos documentos para matrícula:
    1. Histórico Escolar de Ensino Médio ou Declaração de Conclusão (2 cópias)
    2. RG (2 cópias)
    3. CPF (2 cópias)
    4. Título de Eleitor (2 cópias)
    5. Reservista (2 cópias)
    6. Certidão de Nascimento ou Casamento (2 cópias)
    7. Comprovante de Residência (1 cópia)
    8. 2 Fotos 3×4
    9. RG e CPF (1 Cópia) do responsável, independente da Idade.
  3. Aceitação das condições de enquadramento curricular no curso.
  4. Pagamento à vista da importância correspondente à matrícula.

* Os menores de 21 anos devem estar acompanhados do responsável legal.
* Será fornecida a Declaração de Vaga ao interessado, que deverá comparecer de imediato à Instituição de origem para cumprir com os procedimentos exigidos, relacionados à desvinculação através da transferência.
* Os candidatos de Instituições estrangeiras devem apresentar os documentos descritos acima, devidamente reconhecidos pela autoridade consular do Brasil no país de origem, acompanhado da tradução feita por tradutor público juramentado. O Certificado de Conclusão do Ensino Médio deve estar acompanhado da declaração de equivalência de estudos, expedida pela Secretaria de Educação do Estado.